Cabine da Voz
AUTO ESTIMA MULHER

Autoestima feminina: entenda os altos e baixos dessa questão

Ela tem curvas estonteantes, mas, basta parar diante do espelho para lamentar e disparar a tão comum e irreal frase

28/03/2019 10h34Atualizado há 2 meses
Por: Moisés de Oliveira
80
Descubra a mulher linda que tem dentro de você, não se preocupe com os famosos ''padrões sociais'', afinal é por esse motivo que Deus não nos fez iguais, e sim diferentes, cada uma com uma característica, um dom, e um charme especial e único.
Descubra a mulher linda que tem dentro de você, não se preocupe com os famosos ''padrões sociais'', afinal é por esse motivo que Deus não nos fez iguais, e sim diferentes, cada uma com uma característica, um dom, e um charme especial e único.

Descubra a mulher linda que tem dentro de você, não se preocupe com os famosos ''padrões sociais'', afinal é por esse motivo que Deus não nos fez iguais, e sim diferentes, cada uma com uma característica, um dom, e um charme especial e único.

Ela tem curvas estonteantes, mas, basta parar diante do espelho para lamentar e disparar a tão comum e irreal frase "Estou gorda". 

A psicóloga Marina Vasconcellos explica que a autoestima é algo construído ainda na infância, a partir da relação com os pais. "Crianças que são muito criticadas, ou não recebem muita atenção dos pais, podem passar a vida em busca desse reconhecimento, mesmo em outras pessoas", observa. Quem não consegue resolver a questão ao longo da vida, muitas vezes acaba sofrendo ou se colocando em situações as quais não precisaria se submeter, seja na vida profissional, no amor ou nas relações cotidianas.

Veja quais são os comportamentos típicos da mulher com baixa autoestima, que tipo de problemas isso pode trazer e como resolver a questão.

Comportamento padrão

Comparar-se demais com as outras mulheres, se colocando sempre em uma posição inferior; sentir ciúmes excessivo e dificuldade para lidar com críticas negativas são alguns dos traços comuns a uma pessoa com baixa autoestima. Outra tendência é a posição de vítima: quem não está bem consigo mesma sempre acha que o mundo está contra ela; carente de atenção e se sente rejeitada pela maior parte das pessoas.

Problemas à vista

De acordo com a psicóloga Marina, quem não consegue valorizar-se pode enfrentar muitos problemas no âmbito pessoal e profissional. No trabalho, os problemas começam quando a própria pessoa não consegue confiar em si própria e acaba criando obstáculos para os desafios impostos. "A pessoa sempre acha que não vai dar conta, então tem medo de arriscar, de se lançar em coisas novas. Além disso, leva a maioria das críticas para o lado pessoal", observa.

Já no campo amoroso, a chance de se envolver em relacionamentos infrutíferos é bem grande. "Mulheres com baixa autoestima buscam homens que passam a subjugá-las. A relação passa a ser desigual já que, por medo de perder o relacionamento - não se sente capaz de buscar outro - se submete", reforça Andreia.

O papel do homem neste cenário

As mulheres com baixa autoestima tendem a buscar o tipo de homem que a enche de mimos elogios, explica Marina, ou ainda o extremo oposto - aquele que não dá a mínima. "Isso porque está ainda buscando alguém que a reconheça", afirma.

Segundo a psicóloga, os homens não têm muita paciência com este comportamento. No entanto, quando estão dentro de uma relação deste tipo, podem ter um papel fundamental no processo de "cura" da mulher amada. "A mulher precisa sair do papel de vítima e o homem pode ajudar nisso, sendo provocativo no sentido de ela passar a se ouvir mais, fazer mais as coisas que gosta e investir nela mesma."

Mude a postura e levante a autoestima

Confira algumas dicas que podem ajudar a melhorar a autoimagem, a partir de uma visão mais realista e da valorização dos seus pontos fortes.

Faça algo que você gosta: de acordo com a psicóloga Marina, investir em uma atividade prazerosa é uma forma de mudar a autoimagem. "Se você adora dançar, e leva jeito para a coisa, dance. Com isso, vai ser olhada com admiração e vai construindo uma imagem positiva de você mesma", frisa.

Abandone a "coitadinha" que há dentro de você: se você acha que o mundo está contra você, e vive cercada de amigos que reforçam isso, a tendência é só piorar. A dica da psicóloga Marina é que se afastar de pessoas que tendem a proteger demais. "Seja autora da própria vida", provoca.

Aprenda a aceitar críticas construtivas: procure ver as coisas de maneira mais real - aceite suas fragilidades e inseguranças. "Mude o que for possível e olhe sempre aquilo que você tem de positivo", ressalta Andreia. "Busque confiar e olhar para o que já fez de bom para que pensamentos negativos sobre você possam ser modificados."

Não afogue as mágoas comendo: segundo Marina, uma tendência forte de quem está com a autoestima baixa é se presentar com um bom prato de comida ou uma barra de chocolate. "Evite este comportamento, pois acaba entrando em um círculo vicioso e ficando sem limites".

Faça exercícios físicos: "além de fazer vocês se sentir melhor com seu corpo, a prática física libera a endorfina, o hormônio do prazer", explica Marina. Além de ser uma atividade prazerosa, malhar traz resultados visíveis que contribuem para a autoestima.

Faça terapia: segundo Marina, a terapia é uma importante aliada no processo de autoconhecimento, que pode contribuir muito para que a mulher entenda o porquê se enxerga dessa maneira. "É preciso mudar o padrão de interação com as pessoas, e isso só se resolve na terapia", explica.

E o mais importante de tudo, não se esqueça, mulher, você é a imagem e semelhança de Deus, foi Ele quem te criou, e é Ele quem mais te ama.

Dedique-se em agradar ao Senhor, faça a sua obra com o coração alegre, louve ao nome d'Ele, e sem dúvidas sua vida, e sua autoestima mudará.

Você é especial, Deus te ama, saiba que você é linda, do jeito que Ele te fez.

Portal Alfavip – Carolina Emerick – portalalfavip@hotmail.com

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Manhuaçu - MG
Atualizado às 13h47
25°
Poucas nuvens Máxima: 29° - Mínima: 15°
26°

Sensação

3 km/h

Vento

54%

Umidade

Fonte: Climatempo
designer grafico para rede social
Municípios
ALFAVIP 3
Últimas notícias
Mais lidas
alfavip
Anúncio