Sábado, 18 de novembro de 201718/11/2017
(33) 98412-3811
RELIGIÃO
Pastor de Carangola visita Cristolândia em BH
O pastor Ramon Mendonça, da Primeira Igreja Batista de Carangola, foi até a capital Mineira para conhecer de perto a realidade do programa Cristolândia em Belo Horizonte.
Moisés de Oliveira MANHUAÇU - MG
Postada em 03/10/2017 ás 17h54 - atualizada em 13/10/2017 ás 13h31
Pastor de Carangola visita Cristolândia em BH

Para o pastor, Ramon Mendonça esse trabalho tem feito a diferença em Minas Gerais (foto/Divulgação)

O pastor Ramon Mendonça, da Primeira Igreja Batista de Carangola, foi até a capital Mineira para conhecer de perto a realidade do programa Cristolândia em Belo Horizonte. Cristoândia trabalha na prevenção, recuperação e assistência a dependentes químicos e codependentes, que busca a transformação de vida através de Jesus Cristo.


Para o pastor Ramon Mendonça, esse trabalho tem feito a diferença em Minas Gerais, ‘‘Pude ver a dificuldade que homens e mulheres enfrentam depois que caem no vício do craque. Mas louvei a Deus por passar alguns dias conhecendo esse belo trabalho, que a Junta de Missões vem desenvolvendo com voluntários para o resgate de pessoas’’, acrescentou.


O último levantamento feito pelo Governo Federal sobre o crack no Brasil mostrou que 370 mil pessoas usam a droga regularmente. A mesma pesquisa revelou que um em cada nove usuários praticam furtos e roubos, para sustentar o vício.


Só o Brasil representa 20% do consumo mundial de crack, e é o maior mercado da droga no mundo. No País, aproximadamente dois milhões de pessoas já usaram a droga, segundo a pesquisa mais recente do Lenad (Levantamento Nacional de Álcool e Drogas), realizado em 2012 pela Unifesp.


Portal Alfavip - Moisés de Oliveira - portalalfavip@hotmail.com

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
237